PLANTÃO 24H
Av. Amazonas nº 2218, bairro Santo Agostinho - Belo Horizonte/MG

Serviços

ELETROCARDIOGRAFIA

O eletrocardiograma é um exame que tem como finalidade avaliar algumas das funções do coração. Através de eletrodos que são conectados no corpo do animal são emitidos impulsos elétricos que são captados por aparelho computadorizado que em poucos segundos processa informações referentes ao coração do animal, permitindo diagnóstico de várias cardiopatias.

Indicações em veterinária

  • Acompanhamento de pacientes cardiopatas;
  • Avaliação pré-anestésica;
  • Alterações constatadas ao exame clínico pelo veterinário;
  • Animais com histórico de síncopes, convulsões, intolerância a caminhadas e exercícios em geral;
  • Check up anual;
  • Outros distúrbios (eletrolíticos/hormonais).

 

ACUPUNTURA

Utilizada há cinco milênios para diagnóstico e tratamento de uma série de doenças que afetam o homem, a Acupuntura tem conquistado um espaço cada vez maior dentro da medicina veterinária. A prática da inserção de agulhas em pontos pré-determinados da superfície corporal, mesmo em animais, era de uso corrente entre os habitantes da China antiga, que o faziam não só com fins curativos, como também uma modalidade preventiva e terapêutica para uma grande variedade de afecções.

Tendo como fundamento a Medicina Tradicional Chinesa (MTC), o objetivo da Acupuntura é o de restabelecer o fluxo adequado de um estado de equilíbrio dinâmico, no qual esta energia é constantemente transformada, num processo natural e amplo, visto que, para a Medicina Tradicional Chinesa o livre fluxo energético não é algo que ocorre única e exclusivamente no interior dos seres vivos, mas também entre si e o meio onde vivem. Desta forma, os padrões de saúde ou doença de acordo com suas teorias, não são fenômenos isolados e afetam outros pontos do organismo como um todo, alterando o fluxo energético em outros pontos do organismo, que, vistos através da lógica ocidental de pensamento, nada teria de relação com o problema primário. Ainda sob a visão da MTC, o que acontece no interior do indivíduo é um reflexo do que ocorre no universo, ou seja, cada indivíduo é um microcosmo.

Dentro da Veterinária, a Acupuntura tem se mostrado um recurso útil nos casos de dor crônica, sendo que esta pode ter diversas orígens (traumatismos, síndrome do disco intervertebral, compressões neurais, espondiolopatias, processos degenerativos de articulações, etc.). Há também relatos de sucesso do tratamento pela Acupuntura de algumas moléstias não responsivas à Terapia convencional, como alergias e distúrbios comportamentais. O aspecto preventivo da Acupuntura é mais facilmente compreendido quando se tem o conhecimento de que, em princípio, o desequilíbrio se manifesta num nível energético e que, à medida em que ele se perpetua, também se aprofunda afetando, em seqüência, o nível emocional, e por último, o físico. Por isso o restabelecimento do fluxo adequado da energia através dos meridianos pode prevenir, e muitas vezes, regredir processos patológicos em desenvolvimento.

Talvez o maior entrave para a prática e divulgação da Acupuntura seja o aspecto cultural, uma vez que a MTC se baseia nos aspectos filosóficos das muitas escolas através das quais se desenvolveu (Escolas Confucionista e Legalista, durante a Dinastia Han, Escola de Princípios Neo-Confucionista, durante a Dinastia Sons, etc.). Todavia, os resultados obtidos devem servir de estímulo para a sua prática no ocidente, contribuindo desta forma, não só para promover o bem estar da humanidade e dos animais, mas também favorecendo a união entre os povos e mostrando que, independentemente de cor, raça, língua ou raízes culturais, cada um de nós pode contribuir para o equilíbrio energético do Macrocosmo em que vivemos.

BANCO DE SANGUE

A Hemoterapia Veterinária é um procedimento emergencial que auxilia no tratamento de inúmeras enfermidades graves, através da utilização de sangue total e de seus hemocomponentes. Também conhecida como terapia transfusional, essa prática interage com diversas outras especialidades veterinárias e visa corrigir temporariamente algum distúrbio hematológico severo.

Por muitas vezes, devido à carência de doadores e à demora na transfusão, inúmeros animais não resistem vindo a óbito. Outros contraem uma série de doenças infectocontagiosas durante a transfusão por não se saber ao certo a origem e a procedência do doador e por não serem realizados exames prévios e indispensáveis no animal doador.

O SANTO AGOSTINHO Hospital Veterinário com seu banco de sangue veterinário, pioneiro no estado de Minas Gerais, tem a proposta de ajudar a salvar vidas de animais em situações emergenciais, permitindo o fácil acesso ao sangue total e seus derivados, com alta qualidade e máxima segurança, auxiliando os médicos veterinários com as técnicas e protocolos para a realização de uma transfusão sanguínea segura.

Você pode conferir nossa matéria sobre tipagem sanguínea de cães e gatos.